• Postado em: 2 de abril de 2020

Unidades de Pronto Atendimento serão equipadas com 140 novos leitos até 15 de abril


A Prefeitura de Fortaleza segue intensificando as medidas de enfrentamento ao novo coronavírus. Em transmissão ao vivo pelas redes sociais, o prefeito Roberto Cláudio anunciou, na noite de terça-feira (31/03), novas ações preventivas e assistenciais em áreas prioritárias da administração municipal.

O Gestor, acometido pela Covid-19, segue em quarentena cumprindo agenda em regime de home office. Durante reuniões realizadas ao longo do dia, foram debatidos, segundo ele, os próximos passos que deverão ser postos em prática ao longo desta semana.

“Estive reunido com os comitês Municipal e Estadual de Saúde discutindo iniciativas que devem ser lançadas até a próxima sexta-feira. Uma delas diz respeito à proteção social de pessoas em situação de vulnerabilidade. A outra está relacionada a medidas fiscais, tributárias e econômicas para Fortaleza”, introduziu.

Na oportunidade, foram anunciadas diversas outras medidas, como a implantação de 140 novos leitos em cinco Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) municipais até 15 de abril. Serão contempladas, gradativamente, as UPAs do Edson Queiroz, do Bom Jardim, do Vila Velha, do Jangurussu e do Itaperi.

O prazo, antes previsto para o fim de abril, foi antecipado pela Prefeitura de Fortaleza em virtude do atual cenário epidemiológico, composto pelos crescentes casos confirmados de infecção por coronavírus e por outros quadros virais, incluindo as arboviroses.

Instituto Dr. José Frota 2 (IJF2)

O Instituto Dr. José Frota 2 (IJF2), conforme previamente anunciado, oferecerá, até o mês de maio, 175 leitos de UTI direcionados a pacientes acometidos pela Covid-19. “Só no IJF 2, já são 20 leitos entregues. 18 estavam ocupados na manhã de hoje. Esta é uma demonstração da necessidade da expansão realizada”, disse.

O equipamento será referência e concentrará parte significativa da assistência a pacientes contaminados pelo coronavírus. Além disso, está incluso em uma rede composta pelo HCor e pelo Hospital Sírio Libanês. O objetivo é compartilhar protocolos, acompanhar dados e garantir o melhor atendimento aos pacientes.

Higienização do transporte público e de equipamentos municipais

Serviço utilizado por parte significativa da população fortalezense, o transporte público vem recebendo rígida higienização diária. A iniciativa contempla todos os ônibus e vans da Cidade e visa à minimização do contágio pelo novo coronavírus. Para reforçar o cuidado, o Prefeito anunciou o aprimoramento da logística. “O processo de limpeza dos nossos transportes públicos, antes realizado uma vez por dia, passará a acontecer uma vez por viagem”, apontou.

Paralelamente, o entorno de equipamentos municipais, incluindo UPAs, hospitais e postos de saúde, está recebendo cuidado especial por meio de lavagem com aplicação de hipoclorito de sódio. As escolas que estão funcionando como locais de vacinação também serão contempladas.

Atenção à aglomeração em bancos e agências lotéricas

O início do mês, período que costuma concentrar maior número de pessoas em bancos e agências lotéricas, tem despertado a atenção da gestão municipal. Roberto Cláudio recomendou cautela e garantiu que equipes da Secretaria Municipal de Conservação e Serviços Públicos (SCSP) atuarão realizando a demarcação da distância mínima entre as pessoas em equipamentos estratégicos.

“Serão realizadas marcações nas calçadas de bancos e de lotéricas. Nossa recomendação segue a mesma: evitem aglomerações. Além disso, está sendo disponibilizado um efetivo da Guarda Municipal e da Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC) para orientar o entorno desses locais”, anunciou o Prefeito.

Entrega de kits de alimentação escolar

Os alunos da Rede Municipal de Ensino seguem recebendo kits de alimentação escolar. A iniciativa visa à garantia do aporte nutricional adequado mesmo durante o período de suspensão das aulas presenciais. O primeiro ciclo de entregas deverá ser concluído ao longo desta semana.

Senado Federal aprova regime de telessaúde

O Prefeito compartilhou, também, que o Senado Federal aprovou o regime de telessaúde. A iniciativa contou com emenda do senador Prisco Bezerra. “Isso garante a validade de receitas digitais enquanto durar a pandemia e servirá para evitar exposições e riscos desnecessários”, explicou.

Orientações aos grupos de risco

Ainda durante a transmissão, o Prefeito apontou os cuidados necessários aos pacientes inclusos nos grupos de risco ao longo desta pandemia. “Os pacientes acima de 60 anos, ao apresentarem qualquer início de desconforto respiratório, devem procurar um serviço de emergência. Isso também vale para todos os inclusos nos grupos de risco. O tempo de diagnóstico, na maior parte das vezes, define o desfecho clínico”, orientou.

Por outro lado, é fundamental evitar aglomerações desnecessárias. Portanto, pacientes jovens, com sintomas leves, devem permanecer em isolamento domiciliar, buscar atendimento pelo Telessaúde do Governo do Estado e observar a evolução do quadro.

Fundação Bloomberg

A Prefeitura de Fortaleza segue buscando o aprimoramento de suas práticas diante do cenário vigente. Nessa perspectiva, compõe uma rede formada por 70 cidades vinculadas à Iniciativa Bloomberg. A troca de experiências visa ao aprimoramento diante de orientações preventivas e assistenciais.

Visitas a obras nesta sexta-feira (03/04)

O prefeito Roberto Cláudio anunciou, ainda, que a retomada de seus trabalhos presenciais está prevista para o próximo dia 3 de abril, data em que deverá visitar as obras do hospital de campanha em construção no Estádio Presidente Vargas, além da expansão da estrutura da UPA do Edson Queiroz.